03 de Agosto de 2021
Pessoas idosas

No mundo inteiro, os idosos no centro

A celebração da Jornada Mundial dos Avós e dos Idosos no mundo inteiro
faz missao.jpeg

“Convido a celebrar este Dia em cada comunidade e a visitar avós e idosos, aqueles que estão mais sozinhos”, disse o Papa Francisco depois do Angelus, domingo passado. Nos quatro cantos do planeta, jovens e menos jovens acolheram esse convite e fizeram festas em homenagem aos avós e os idosos.

Segundo as primeiras informações que chegaram ao Dicastério, foram muitas as iniciativas que conferências episcopais, dioceses e associações de todo o mundo tomaram por ocasião da Jornada. Muitas delas foram partilhadas nas redes sociais com a hashtag #IamWithYouAlways.

Foi de particular importância a iniciativa do Comité Organizador da JMJ de Lisboa, que convidou os jovens portugueses com o apelo: “Faz missão”, e incentivou os jovens a visitar os idosos e entregar-lhes a mensagem do papa.

Na Índia, jovens de diversas dioceses visitaram os idosos dos seus bairros e fizeram vídeos, que foram publicados no site da conferência episcopal.

A Conferência Episcopal do Quênia (KCCB) exortou as arquidiocese e diocese a organizarem eventos especiais por ocasião da Jornada Mundial dos Avós e dos Idosos.

Muitos bispos, como o Cardeal Vincent Nichols, gravaram mensagens de vídeo para a Jornada.

Na França, por iniciativa da Comunidade de Taizé e do Movimento Cristão dos Aposentados (MCR), uma série de associações organizaram festas congregando jovens e idosos.

No Peru, a conferência episcopal convocou uma semana dedicada aos idosos, enquanto no Brasil, a Pastoral da Pessoa Idosa reuniu milhares de pessoas em encontros online e presenciais com os idosos.

Recoleta-1-2-1200x1000

Em todo o mundo, foram incontáveis os jovens que decidiram visitar os moradores dos lares de idosos — que foram os que mais sofreram com a pandemia — e celebrar com eles a Jornada.

casa-famiglia-auguri-di-mantovani-01