17 de Fevereiro de 2017
Costa Rica

Temos um exército de leigos comprometidos com o Evangelho!

Visita ad limina dos bispos da Costa Rica

A Costa Rica, um dos países mais estáveis da América Central, vive – assim disseram os bispos do país durante a reunião com o cardeal Farrell ao Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida – um momento de transformação sob múltiplos pontos de vistas. Como em todos os estados da região, estão aumentando os problemas relacionados com a propagação do narcotráfico, violência generalizada e migração. Tudo isso mina a coesão social e, finalmente, também enfraquecem os laços familiares que, como em outros lugares, entram em crise com com maior facilidade.

Estão, de fato, aumentando o número de separações, divórcios, uniões conjugais livres e é cada vez mais difícil para os jovens fazer escolhas destinadas a durar “por toda a vida” 

Diante deste cenário, a Igreja da Costa Rica acolheu a exortação apostólica Amoris Laetitia como uma oportunidade para responder de uma maneira nova e não ceder aos desafios colocados pelas famílias contemporâneas. Os bispos têm descrito um despertar dos leigos e das famílias do país: “Temos um exército de leigos comprometidos com o Evangelho” Disse Dom Ulloa Rosas, Bispo de Cartago e encarregado da Conferência Episcopal para a família.

A Igreja de Costa Rica também prepara – em vista da proximidade geográfica – para experimentar a próxima Jornada Mundial da Juventude no Panamá de uma forma especial, fazendo do evento um encontro decisivo para todos os jovens da América Central. “Esperamos que o calor daquele encontro – disse Dom Fernández Guillén, presidente da Conferência Episcopal – aqueça também a juventude de nosso país”. 

Ad Limina Visit Costa Rica