04 de Outubro de 2018
Dicastério

Cristo ao centro

Com uma celebração eucarística, o Cardeal K. Farrell inaugurou os novos escritórios do Dicastério: "Tudo o que fazemos é por amor a Ele. Nas pessoas que recebemos, a quem falamos ou a quem simplesmente escrevemos, nós O vemos". Jesus é o centro de tudo, incluindo nosso trabalho nesses ambientes.

Com a celebração da Santa Missa, foram inaugurados e abençoados os escritórios do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, que reunidos agora, fisicamente, o pessoal dos dois Pontifícios Conselhos anteriores. Permanece firme, então o cardeal Farrell, em sua homilia, que “o serviço que prestamos à Santa Sé não é destinado ao lucro e, por essa razão, nosso trabalho tem uma motivação puramente ideal. Nós nunca seremos capazes de avaliar o bom funcionamento de nosso Dicastério simplesmente pelo orçamento. O serviço ao mundo dos leigos, à família e à vida permanece sempre um impulso ideal, nunca quantificável”.

Daí o convite a um compromisso renovado, com nova energia e abertura: "Olhemos, portanto, sempre mais além de nós mesmos, olhamos com interesse para todos aqueles a quem somos chamados a servir e para quem desejamos trazer a luz de Cristo, uma luz que para nós foi a primeira a fazer-nos bem. Esta é a mensagem simples e profunda que o Papa Francisco nos deixou no bilhete que escreveu à mão no final da visita ao Dicastério em 30 de outubro de 2017. Ele escreveu: Não tenha medo, ampliem os seus horizontes e saiam para escutar as realidades das pessoas e anunciar Jesus Cristo".